origem

Mail me

blogseve@gmail.com

Posts Recentes

Ossian

E por vezes

Liberdade?

Conselhos para todas as f...

Pois...

La femme comme il faut

Da divindade

Dos dias

My Panama Papers

Do vazio

Blogs especiais

Arquivo

Junho 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2015

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Detector de movimentos

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape
Quarta-feira, 11 de Maio de 2005

GRRRRRR...



ESTOU A FICAR FURIOSA...


AFASTEM-SE!


Por que diabo aparecem dois Azimut, quando eu só pedi UM?!!!


Ah!, devem estar a interrogar-se...


A gaivota?


COMI-A!!


Alguém (Nem sei por que motivo insisto. Nunca obtive respostas a estes apelos...) me pode ajudar? Pode alterar-se uma imagem que não é nossa?


( Vá, podem rir-se à vontade... Não percebo nada disto, nem de linguagem informática, não. E depois? Ao menos, CONSEGUI tirar dali a gaivota SEM AJUDA. NENHUMA! ZERO! SOZINHA!)

Não é alterar. É editar que eu quero dizer. Pode?
publicado por S às 12:45
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
Segunda-feira, 9 de Maio de 2005

QUERO SABER!

 


 


O


 


5000º


 


 


QUE FAÇA O OBSÉQUIO DE SE ACUSAR.


 


 


Agradecida.

publicado por S às 14:38
link do post | comentar | ver comentários (19) | favorito
Domingo, 8 de Maio de 2005

Esta miúda é a causa da minha magreza!



Quero, desesperadamente, devorar o conteúdo de uma embalagem de Lay's...


Enquanto a Martinha estiver acordada, aqui, ao meu lado, NÃO POSSO!


Pode ter acabado de jantar. Pode não caber mais uma gota de água naquele estomagozinho. Mas, se a mãe come, a Marta come também!



É triste, eu sei. O que é que querem?! Vou esconder-me na cozinha, sim, e depois?


Não tenho direito a uma embalagem inteira?


Vamos ver qual de nós é a mais esperta...


...



...?


...?????



- MARTINHA! ONDE estão as batatas da mãe?
publicado por S às 23:00
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Quinta-feira, 5 de Maio de 2005

Aniversário...

bolo.jpg



Pois é, meus amigos...


Foi há, precisamente, 20 anos.


A todos quantos me visitam desde então, os meus agradecimentos since...



(... o quê??... há vinte anos não existia SAPO?!... ah... pois não... que absurdo...)



Meus amigos: Foi há, precisamente, dezanove anos! A tod...


(... também não??... aaaaai!...)





Alguém me diz, por favor, HÁ QUANTO TEMPO existe o SAPO?



O meu blog também quer fazer anos!


 

publicado por S às 14:41
link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito
Segunda-feira, 2 de Maio de 2005

Eu sabia...


Sabia, sabia!

Sei perfeitamente como funcionam estas coisas. Agora, EU TRABALHO! Que bom...

Não é que não seja, mas tudo o que apregoei até hoje, sobre o facto de ter como prioridades, áreas da vida pessoal, dedicação à família, e tudo e tudo e tudo, virou-se contra mim, qual monstro de duas cabeças a visitar a minha consciência.

Sei que a vida é isto, que é mesmo assim. Mas não me conformo. Assumo plenamente, que não nasci para trabalhar.

Adoro desafios que me façam querer ser mais e mais, mesmo na área laboral. Mas o meu lado de fêmea zelosa do ninho, puxa por mim que é uma coisa doida...


Chegada a este ponto do percurso, perfeitamente incluída (Ou quase perfeitamente... não fosse o horário, pouco convencional... Mas não tenho culpa! De manhã, tenho um desempenho idêntico ao da Martinha. Digo algumas palavras, até construo frases, mas ninguém me percebe. Não ia arriscar ser despedida ao fim de uma semana!) no mundo do trabalho e das normas sociais, nem me passa pela cabeça desistir.


Até porque - e isto é mesmo verdade - tenho a sorte imensa de poder conversar, diáriamente e no fim do trabalho, com uma colega que é mais ou menos assim:


- Interrompe qualquer conversa que eu esteja a ter, dizendo "Ah!, e nem sabem o que me aconteceu a mim... (repete a história de há meia hora atrás)". O meu interlocutor, olha alternadamente para mim e para ela, na esperança vã de que eu a interrompa.


Limito-me a olhar para ela, a sorrir e a achar imensa piada à forma como ajeita os óculos, mínimos, no nariz. De repente, lembra-se de explorar um pormenor. E o resultado, à letra, é qualquer coisa deste género:


- Depois, o "não sei quantos", disse-me "Ainda não sabes fazer isso?!", ópá, ó Sofia... e eu disse que até sabia, tás a perceber?, mas ó Sofia, se fosse como, fazconta (e ajeita os óculinhos com o dedo anelar esticadinho), blá blá blá blá... inclusiver... blá blá blá...


Eu, muito sinceramente, ainda acho que ela andou a ver o "Nelo e Idália" vezes demais. E que faz aquilo aos óculos e diz "fazconta" para ver a minha reacção...


Mas é tão querida... a sério! Gosto imenso dela. Acho que toda a gente, inclusiver :), devia ter um colega assim.


Eu sei que, daqui a uns tempos, talvez já não ache piada nenhuma. Mas vou aproveitar enquanto é giro.


...


Hoje, vou à festa do Dia da Mãe, no colégio da Maria...

Vou receber um colar, feito por ela. Sabem como é que eu sei?

Foi a Maria que me disse.

Tão querida, não é?

Querem saber COMO me disse?

Estas criancinhas, são um encanto...

Foi assim:


- Mãããe... Disseste que "me ias dar-me" a Polly... (esta parte do resto do nome, ainda não consegui decorar)... das roupas magnéticas!?! O que estás a fazer é muito feio. E eu nunca mais te obedeço. E eu nunca mais te vou dar o colar do dia das mães...


Fiquei derretida, como podem imaginar...



publicado por S às 14:31
link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito
Domingo, 1 de Maio de 2005

Mãe

Feliz


 


DIA DA MÃE


 


para


 


todas


 


as


 


mães


 


do


 


Mundo.

publicado por S às 23:06
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito