origem

Mail me

blogseve@gmail.com

Posts Recentes

Ossian

E por vezes

Liberdade?

Conselhos para todas as f...

Pois...

La femme comme il faut

Da divindade

Dos dias

My Panama Papers

Do vazio

Blogs especiais

Arquivo

Junho 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2015

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Quarta-feira, 22 de Fevereiro de 2006

É o amor

Primeiro, porque deve ter dado uma trabalheira enorme a escrever e é um post admirável.


Segundo, porque sempre gostei do MEC.


Terceiro, porque dei por mim a reconhecer cada palavra deste texto, como se o tivesse lido há dois ou três dias quando, seguramente, há anos que não o lia.


Quarto, porque é sempre bom saber que não sou a única.


E sétimo, porque há pelo menos dois motivos que não me ocorrem, neste momento, para fazer isto.


Eu acho que vale a pena ler com olhos de sentir.


É isto.


E a definição de amor de Nuno Júdice que encontrei há muito tempo, por acaso, num dos livros de Alexandre Honrado (um dos melhores professores que tive), e que um dia hei-de voltar a encontrar, para pôr aqui. Até porque são apenas duas frases e está lá tudo.

publicado por S às 15:29
link do post | comentar | favorito
14 comentários:
De Anónimo a 24 de Fevereiro de 2006 às 13:49
Um post, JL, é... :) Sabes do que me lembrei, há algumas horas? Que o título deste... post... podia ter sido "Love is in the head", com a ressalva "Não, não estou a falar à Judite de Sousa". Achas que se ia perceber a piada? (No dia em que te apanhar com estrangeirismos, estás feito! No fundo, era só isto que queria dizer-te, mas o título que não me saiu a tempo ficou-me mesmo atravessado e achei por bem aproveitar para desabafar.) :)) Bjssofia
</a>
(mailto:blogsofia@sapo.pt)
De Anónimo a 24 de Fevereiro de 2006 às 13:41
Ainda acredito na possibilidade de, um dia, toda a gente perceber isso, Carmen. E poder viver, verdadeiramente. :) Abraço.sofia
</a>
(mailto:blogsofia@sapo.pt)
De Anónimo a 24 de Fevereiro de 2006 às 13:36
Obrigada, mais uma vez, M. :)sofia
</a>
(mailto:blogsofia@sapo.pt)
De Anónimo a 24 de Fevereiro de 2006 às 12:04
Desculpem a minha ignorância: O que é um POST? É uma daquelas coisas ao alto que servem para segurar fios? E ter uma luzinha acesa? :-)
Ou é algum famoso corredor de Fórmula 1? Um tal de Alan Post... :-)
BeijosJL
(http://www.o-observatorio.blogspot.com)
(mailto:joaolopes@zmail.pt)
De Anónimo a 23 de Fevereiro de 2006 às 20:38
Sofia, este post foi um dois lindos que li no teu blog...
e é verdade sim senhora, onde é que está o amor, o verdadeiro... não essa lamechice meia doce meia amarga... tipo fast food que nos servem nos dias de hoje!!!
Carmen
(http://spaces.msn.com/members/Carmen66)
(mailto:carmencupido@hotmail.com)
De Anónimo a 23 de Fevereiro de 2006 às 18:44
O post azul é em tua honra.M
(http://www.fotoescrita.blogspot.com)
(mailto:mmrg@clix.pt)
De Anónimo a 23 de Fevereiro de 2006 às 16:42
:)) Descobri que não têm nenhuma do Toy e perdeu a piada, Milocas. :)sofia
</a>
(mailto:blogsofia@sapo.pt)
De Anónimo a 23 de Fevereiro de 2006 às 16:36
E afinal, o que aconteceu à tua música? Estás sem música? :)) grande pra ti * cusquinha
(http://)
(mailto:amoraselvagem@sapo.pt)
De Anónimo a 23 de Fevereiro de 2006 às 01:41
Achas que eu ainda sei fazer posts!! :) Na volta, é como andar de bicicleta, On... :)))sofia
</a>
(mailto:blogsofia@sapo.pt)
De Anónimo a 23 de Fevereiro de 2006 às 01:40
TODA a gente sabe que eu sou um gajo, Ana!! :))) Também estou com saudades, querida. E continuo à espera de mails... :) (depois, vais explicar-me que raio andavas tu a fazer na net a uma hora daquelas) :) Bjssofia
</a>
(mailto:blogsofia@sapo.pt)

Comentar post