origem

Mail me

blogseve@gmail.com

Posts Recentes

Ossian

E por vezes

Liberdade?

Conselhos para todas as f...

Pois...

La femme comme il faut

Da divindade

Dos dias

My Panama Papers

Do vazio

Blogs especiais

Arquivo

Junho 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2015

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Detector de movimentos

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape
Sexta-feira, 15 de Setembro de 2006

Declaração de amor

É oficial.

A exclusividade na educação de dois seres muito especiais terminou.

 

Agora, mais do que nunca, o meu papel é único porque passou a ser um dos muitos na vida delas.

A felicidade que este momento (O primeiro dia de escola é ainda mais especial quando supera todas as expectativas. Mas mesmo todas.) me proporciona é indizível. Nem tamanho tem.

A única coisa que me impede de encher este blog de baba, nem é o bom senso. É a impossibilidade real de o fazer. Apenas isso.

 

Miúdas:

ADORO-VOS

Tanto, tanto...

 

Espero, quero e farei tudo para estar à altura deste desafio. Vosso e meu. Nosso.

 

Nosso.

 

publicado por S às 23:06
link do post | comentar | favorito
12 comentários:
De M a 17 de Setembro de 2006 às 10:40
Compreendo o teu entusiasmo. Um outro mundo à frente delas começou. Que pode ser igualmente bom.
De S a 17 de Setembro de 2006 às 12:35
:) Que vai ser ainda melhor, M. Mais completo.
Há-de ser. :)
De Calvin a 18 de Setembro de 2006 às 01:18
Tás mazé lixada. Agora vêm os palavrões, os joelhos esfolados e os namorados. Vai limpando a baba e prepara mas é o Zyrtec. :oD
De S a 18 de Setembro de 2006 às 11:03
:))
Caríssimo:
O Zyrtec já faz parte da farmácia cá de casa há muito tempo. Quanto aos namorados... já estão informadas. Só depois dos 20, e e... :)
Joelhos esfolados na escola são problema delas. Joelhos esfolados em casa serão consequência de eventuais palavrões. :)
Por isso, vai continuar a baba. :))
De Carmen a 19 de Setembro de 2006 às 09:54
Se existe algo neste universo que não se pode quantificar (POR NÃO EXISTE MEDIDA CAPAZ DE O FAZER!!) é bem o amor de uma mâe pelos filhos...

E claro que vais estar à altura, é que a questão nem se põe!!!!!!!!!!!! MAMÃ BABADINHA!!!!!!!!!!!!

X- Coração pras novas estudantes e outro pra mamâ delas!!
De S a 19 de Setembro de 2006 às 11:15
:) Dito por ti, Carmen, que sempre tens estado à altura e és um exemplo para mim, faz-me sentir mais confiante. Obrigada pela tua generosidade, sempre. :)
Abraço grande para ti também.
De Carmen a 20 de Setembro de 2006 às 17:51
Lá estás tu com a mania de fazer corar... prontos, não tens cura,né??
Agora mais sériamente Sofia, sabes tão bem como eu que os filhos nâo nascem com manual de instrucções... era bom nâo era??... Toda a mãe que se questione, que duvide, que tente encontrar a melhor maneira de lidar com um filho, de o amar, de o respeitar, só pode ser uma boa mâe, não é mesmo??
Beijoca
De S a 22 de Setembro de 2006 às 10:32
:)

E admirá-los. É tão bom. :)
Ainda hei-de escrever sobre isso. Admirar os filhos.
De S. a 20 de Setembro de 2006 às 22:57
É bom ver todo esse entusiasmo.
Votos da melhor sorte e saber nessa tarefa sem fim.
De S a 22 de Setembro de 2006 às 10:34
E é óptimo senti-lo. :)
Muito obrigada, S.
De /me a 22 de Setembro de 2006 às 11:10
Hmm, o primeiro dia de escola. :D
De S a 22 de Setembro de 2006 às 14:09
Tu... nem me digas nada!
Olho para ti e só me apetece dar-te uma reguada. :)
Já fizeste os trabalhos de casa, por acaso?

Comentar post